Notícias

CATOLÂNDIA SOFRENDO COM EXCESSO DE CHUVAS

Depois de dez anos de chuvas esparsas e insuficientes Catolândia recebe uma torrencial temporada de muita água, onde ruas, calçadas e casas, foram repentinamente tomadas e a própria Secretaria de Saúde teve enormes prejuízos pelo volume repentino das águas.

O epicentro do problema aconteceu circunvizinho a Praça do Catão onde o prédio da secretaria de saúde foi tomado pelas águas, uma casa ruiu e outra ficou totalmente destruída. O muro lateral da Escola Estadual no centro da cidade, também não resistiu à força das águas e acabou desabando.

Esses acontecimentos fizeram com que toda a estrutura das secretarias se mobilizasse em socorro e atendimento emergencial aos locais mais críticos.

O prefeito Giovanni recebeu uma comitiva do SESAB e do Corpo de Bombeiros (03/01), que desaconselharam a utilização do prédio da Secretaria de Saúde, por período indeterminado, até que a estiagem permita que os danos estruturais possam ser avaliados.

Alguns acessos a povoados e localidades circunvizinhas estão totalmente isolados pela condição precária das estradas vicinais. Em alguns locais as obras mal dimensionadas pela gestão passada, segundo o Prefeito Giovanni foram as principais causas de alagamentos que causaram enormes prejuízos aos munícipes.

A estrada enladeirada que desemboca da Praça Catão passa por sobre um riacho cujas manilhas não suportaram a velocidade das águas que ficaram represadas pela estrada mal dimensionada.  A estrada que segundo Giovanni deveria contar com uma ponte, foi construída em cima de manilhas que se tornaram insuficientes e então as águas acabaram inundando a praça e as casas em sua volta.

Em outros trechos como a estrada do acesso a Cabeceiras as águas provenientes de Areão e Tiririca localidades mais altas em determinado ponto da via foram represadas pela altura da estrada mal dimensionada e de ambos os lados da pista invadiram as casas com águas barrentas. 

A fragilidade do asfalto se tornou evidente após um caminhão que trafegava na pista afundar na lateral da rodovia.

Segundo ao Prefeito Giovanni os prejuízos foram enormes, tanto do centro da cidade como nas periferias, espera contar com apoio e ajuda do Governo Estadual para amenizar a situação, todavia continua muito preocupado porque as previsões meteorológicas para a região preveem ainda muito mais chuvas.

A referida equipe do SESAB que acompanhada de militares do Corpo de Bombeiros e técnicos da Prefeitura que inspecionaram os danos causados pela chuva irão elaborar um relatório de danos que justifiquem auxílio de verbas emergenciais por parte do Governo do Estado.

A Prefeitura Municipal de Catolândia, através da Secretaria de Infraestrutura irá seguir as orientações do Corpo de Bombeiros da Bahia e Secretaria de Saúde do Estado da Bahia – SESAB que juntos em vistoria In loco feita no dia seguinte, 03/01/2022, definiram como prudente fechar e vedar o tráfego e circulação de pessoas não autorizadas no interior do prédio em que se mantém a sede da Secretaria Municipal de Saúde localizada neste endereço.
Até que se defina contrário, a edificação citada acima estará isolada para restauração dos danos sofridos a serem feitas pelo corpo de engenharia do Município.

DCIM\100MEDIA\DJI_0040.JPG
Botão Voltar ao topo